Apartamentos mobiliados para alugar em Montpellier

394 resultados para "Montpellier"

Novo

590 € Quarto
map

Novo

515 € Quarto
map

Novo

538 € Quarto
map
Verificada
639 € Estúdio
map

-28%

540 € Quarto
map

Novo

530 € Quarto
map
Verificada
670 € Estúdio
map

-21%

599 € Quarto
map
500 € Quarto
map

Novo

Verificada
550 € Apartmento
map

Novo

509 € Quarto
map
550 € Quarto
map

Montpellier é a cidade de maior crescimento na França e também uma das mais multiculturais da Europa, sendo um local ideal para expatriados e estudantes. Repleta de cultura e história, o lugar é um encontro do presente e passado, com uma elegante arquitetura e uma agitada vida noturna. Próximo de belas praias de areia branca, não é de se admirar que muitos queiram viver em Montpellier. Os apartamentos na cidade são bem concorridos, principalmente as opções mais baratas e mobiliadas. Mas se você souber onde procurar, ainda é possível encontrar excelentes alternativas.

Acomodação para estudantes em Montpellier

Em Montpellier estão duas importantes universidades, ambas próximo dos distritos mais populares entre estudantes, o que faz com que o local de estudo não tenha tanto impacto na hora de escolher a casa ideal.

A maior, mais reconhecida e um dos melhores lugares da França para estudar, é a Universidade de Montpellier, localizada na divisa do centro, perto do Jardim Botânico da cidade. A maioria dos alunos desta instituição vive no distrito de Beaux Arts, que, perto de uma vida noturna agitada e restaurantes econômicos, é uma região propícia para fazer novas amizades e vivenciar a cultura local.

A outra é a Universidade Paul Valéry, próximo do hospital universitário Saint Eloi e um pouco mais distante do centro que a Universidade de Montpellier, mas a apenas 30 minutos andando de Beaux Arts. Se você for estudar aí, vale a pena considerar morar na região de Aiguelongue, que, embora não seja tão vibrante quanto a outra, é mais perto da universidade. A maioria dos estudantes entretanto prefere estar em Beaux Arts, já que lá é possível ter uma experiência mais autêntica da vida universitária.